Página Inicial
 
 
- Alta Floresta - Mato Grosso
 
  Últimas Notícias
 
Desembargadora dá 10 dias para Sinetran se manifestar antes de analisar a greve
05-10-2017 - 09:25

Desembargadora Maria Erotides Kneip, que deu prazo de 10 dias para Sinetran

A desembargadora do Tribunal de Justiça, Maria Erotides Kneip, deu prazo de 10 dias para que o Sindicato dos Servidores do Detran se manifeste na ação onde o Estado pede que a greve da categoria seja declarada ilegal. Somente após ouvir o sindicato é que Maria Erotides apreciará o pedido liminar do Executivo, que inclui também a aplicação de multa diária e que seja feito o corte de ponto dos dias não trabalhados. A decisão foi proferida nesta terça (3).

“Em que pesem os argumentos apresentados pelo requerente (Estado), entendo como imprescindível a prévia oitiva do requerido (sindicato), antes da análise do pedido de antecipação de tutela, considerando o elevado número de servidores públicos envolvidos e os relevantes serviços prestados pela categoria. Assim intime-se o requerido para se manifestar no prazo de 10 dias”, diz trecho da decisão.

O pedido foi feito pelo governo em 13 de setembro. Mesmo sem apreciação por parte da desembargadora, o corte de ponto já está valendo, de acordo com a Procuradoria-Geral do Estado (PGE).

Entenda

A greve dos servidores do Detran teve início em 11 de setembro e desde então o governo tem se recusado a dialogar com a categoria. Na última audiência de conciliação, marcada para o último dia 21, o governo não compareceu ao Núcleo de Mediação do Tribunal de Justiça, fato classificado como “desrespeitoso” pelo Sinetran. Por outro lado, o governador Pedro Taques (PSDB) já comentou sobre o impasse e tachou de “política e ideológica” a greve.

Os grevistas pedem que o governo apresente proposta referente à tabela salarial da categoria, que, segundo a classe, amarga seis anos de defasagem. O Estado, no entanto, alega que, apesar de saber que o direito à greve é constitucional, toda a margem de aumento foi consumida na negociação para o pagamento da Revisão Geral Anual (RGA), construída em conjunto com os sindicatos e a Assembleia. Taques também é convicto ao afirmar que não negocia com servidor em greve.

Fonte: RDNews
 
  Notícias Relacionadas
 
 
  Comentários
 
 
 
 
  Vídeos
  ASSEMBLEIA DE MATO GROSSO ENTREGA AMBULÂNCIAS
 
  Publicidades
WATSSAP
 
  Últimas Notícias
Política
| 12-12-2017 10h:22m
Justiça Eleitoral torna inelegível por 8 anos o ex-prefeito do Rio Edu
Política
| 12-12-2017 10h:21m
Justiça Federal aceita denúncia contra Rocha Loures por corrupção pass
Política
| 12-12-2017 10h:20m
Ex-assessor de Cabral diz que esquema de corrupção movimentou R$ 500 m
Policia
| 12-12-2017 10h:17m
PRF apreende menor transportando maconha que seria entregue em Alta Fl
 
 
  Publicidades
 
  Facebook
 
Anjos Notícias 2011 - 2016 - Todos os direitos reservados
Av. Paulo Pires, 550 - Setor G - Alta Floresta - Mato Grosso | (66) 3521-1738 | (66) 9 8404-4744 | (66) 9 9224-4376 | (66) 9 9903-0669